NotíciasAJUFESP

PRÊMIO INOVAÇÃO JUDICIÁRIO EXPONENCIAL

A Justiça Federal da 3ª Região tem cinco finalistas na terceira edição do Prêmio Inovação Judiciário Exponencial.  Este ano, excepcionalmente, foi criada a categoria especial "Enfrentamento da Crise", na qual a 3ª Região tem dois concorrentes na final – a *Plataforma interinstitucional para autocomposição dos conflitos decorrentes da COVID-19*, criado pelo Gabinete da Conciliação do TRF3 e implementado nos estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul, e as *Oficinas de Design Thinking On-line* promovidas pela Justiça Federal de São Paulo.


A premiação tem o objetivo de reconhecer e incentivar o desenvolvimento de iniciativas inovadoras, a partir do uso de tecnologias em processos de gestão e novas metodologias no âmbito do Sistema de Justiça. A avaliação será realizada pela FIA/USP (Fundação Instituto de Administração).


Na categoria “Institucional”, dedicada a projetos com capacidade de gerar inovação na gestão a partir de novas metodologias ou da inserção de tecnologias que reflitam internamente sobre a organização, estão na final o *Sinara*,  algoritmo de Inteligência Artificial do Laboratório de Inovação do TRF-3 (iLabTRF3), que tem a função de identificar e possibilitar a procura por informações jurídicas em auxílio aos gabinetes; e o *Sistema de Informações Prediais, do portal administrativo da Justiça Federal de São Paulo (JFSP)*.


Na categoria “Liderança Exponencial” está entre os finalistas a *juíza Federal Luciana Ortiz Tavares Costa Zanoni* . Esta premiação destina-se àquele ou àquela que idealizou, incentivou, patrocinou projeto de inovação diferenciado e fez a diferença para a Justiça. Nesta categoria, a escolha é feita por votação on-line pelos inscritos no evento, no dia 13 de outubro, terça-feira, das 14 às 16 horas. 


A inscrição para o Expojud é gratuita e a programação, bem variada, incluindo mais de 50 palestrantes já confirmados, oficinas e talk shows. Para saber mais, acesse a página do evento.


Clique aqui para acesssar.