NotíciasAJUFESP

Com apoio da AJUFESP o dia 1º de fevereiro tem ato contra a reforma da Previdência e pela valorização da Magistratura e do MP
A abertura do ano judiciário no próximo dia 1º de fevereiro será também a data do ato público contra a reforma da Previdência (PEC 287/16) e pela valorização e independência da Magistratura e do Ministério Público organizado pela Frentas (Frente Associativa da Magistratura e do Ministério Público).

O ponto de partida da manifestação será o auditório Nereu Ramos, na Câmara dos Deputados, com discursos dos presidentes das entidades e de parlamentares. Após as intervenções, os participantes, estimados em centenas de juízes e membros do Ministério Público de todo o Brasil, farão uma caminhada até o Supremo Tribunal Federal (STF), quando entregarão documento com os pleitos das duas carreiras à ministra presidente, Cármen Lúcia.

A AJUFESP apoia o ato e terá associados presentes no protesto.

O objetivo da mobilização é alertar toda a população, a comunidade jurídica e os parlamentares para os riscos das propostas legislativas que tendem a enfraquecer a autoridade judiciária em suas respectivas carreiras, que pretendem sucatear o sistema previdenciário brasileiro, e, de resto, para o quadro de descaso e paralisia institucional que ameaça a própria integridade da Magistratura e do Ministério Público.

A intenção é que também sejam realizados atos deste tipo em todo o país. “Esse grande ato é uma demonstração de que nós não estamos de acordo com o processo de retaliação contra os juízes federais e servidores públicos que está em marcha no Congresso Nacional”, afirmou o presidente da Ajufe (Associação dos Juízes Federais), Roberto Veloso.